terça-feira, 6 de abril de 2010

Minhas raízes

"Moro no Rio Grande do Sul e amo ser uma Gaúcha! tchê!
Barbaridade! Hoje vai ser um post diferente, contando uma 'aventura' que aconteceu comigo nesse fim de semana!"

Moro aqui no RS, mas não que não ligo pelas tradições do Estado, só não parava pra pensar que as tradições daqui são respeitosas!
Respeitosas no sentido de:

As danças gaúchas tem o respeito a figura feminina. Não é nada de 'agarramentos' como existem
por aí (isso para quem sabe como se deve dançar realmente)


sei que a roupa do peão parece ser estranha, mas tem toda uma história por detrás

As roupas da Prenda conservam a simplicidade, sem afetar a sua beleza que é um dos padrões superiores, os vestidos não são decotados e cada um tem um charme único; Ela também precisa cuidar da sua postura e anda com elegância!



Nas tradições o marido da prenda era visto como um herói e ele levava sua prenda onde ia! :-)É, e ela precisa cuidar da sua beleza, sem exageros, mas sendo discreta na roupa que está usando e maquiagem. (Confesso que me sinto o máximo quando coloco um daqueles lindos vestidos!


Semana Farroupilha, comemoramos com o Força Jovem!

A bebida então, saudável e que todos conhecem... o famoso Chimarrão! É queeente, mas é muito bom! Uma boa prosa com a família tomando um chimarrão!



Acho lindo quando vejo uma apresentação de prendas e peões, eles as levam com todo respeito e elas tão graciosas!



Bom tem muita coisa que entra na tradição, mas esqueci de uma que há tempos acompanha que é o Cavalo. E bota coragem pra fazer o que os cavalos e os peões fazem aqui nos rodeios! Um show!



E pois bem, aprendi a andar de cavalo!Tinha um medo inevitável por qualquer um que se aproxima-se de mim, tinha medo de levar um 'coice'!

Mas venci esse fim de semana, na terceira vez já tava andando sozinha, devagar né,
Na quarta troteando, na quinta galopando, na sexta fui inventar de levar alguém na garupa, quando as duas caem do cavalo, essa égua era grande (que desculpa né?) a minha amiga começou a cair e acabou me levando junto, fui como um peixinho na grama!

Todos que viram naquele rodeio começaram a gritar e eu não parava de rir!

Mas lá fui eu de novo! :-)

Foi engraçado pra caramba gente,

Aprendi a amar meu Rio Grande e o povo daqui ainda mais! E continuarei aqui até quando Deus permitir!

na certeza,
Postar um comentário