domingo, 10 de julho de 2011

Não se faça mais de vítima!

Oi gente, desculpem a minha ausência nesses dias, eles realmente tem sido bem corridos.
Mas estamos aqui de volta e para falar sobre algo que acredito ser muito importante. Já vi isso acontecer muito e estragar diversas áreas da vida da pessoa por isso.

Atendi uma jovem, casada. Eu a conheço há anos, antes mesmo de casar e já antes de casada ela era assim. Tinha o costume de falar sobre seus problemas para todos! Se queixava para todo mundo, obreiros, pastores, esposas, pessoas de dentro da Igreja, pessoas de fora.
Com que olhos as pessoas de fora iriam olhá-la, sabendo que ela ia para a Igreja?
Com que olhos as pessoas de dentro da Igreja a olhariam? Claro, com a intenção de ajudá-la, mas ela se queixava taaanto, que nunca mudava sua situação. Ela não se revoltava, somente queixava-se. Se queixava para as pessoas erradas, e não para a pessoa certa (Deus), pois o que elas poderiam fazer por ela? Orar? sim. Somente isso. Mas quem tinha que tomar a atitude era ela.

Já fazem anos que não a vejo e mesmo assim, quando ela me disse que seu esposo falou sobre isso, que sentia-se envergonhado por ela falar para todos as situações deles, aí  lembrei-a que mesmo antes ela era assim. Teve que acontecer toda uma situação chata para ela perceber depois de anos que do jeito que ela estava agindo não era o certo e só a atrasava ainda mais em todos os aspectos de sua vida.

Não adianta fazer com que os outros sintam pena de você! Isso não vai mudar nada! Isso não muda sua vida! Não se faça mais de vítima! Haja sua fé! Revolte-se contra seu problema e sua situação! Isso sim lhe trará respostas e mudanças! Não melhoras... Mas sim MUDANÇAs!

Ser você tem queixas... então, que suas queixas hoje sejam de um revoltado! (Jó 23. 2)

na revolta,
Postar um comentário