segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Você tem alimentado seu coração?

A alternativa que muitas pessoas acham que estão as ajudando, quando o coração está ferido é alimentando ele.
Isso mesmo, é alimentá-lo jogando mais sentimentos ainda. É tão fácil alimentar o coração quando ele está chateado, ferido, quando ele é colocado em um ser humano, por exemplo. "Ah dói e como dói!" 
Ele pede, sente fome e você então alimenta-o, ouvindo besteira, vendo vídeos românticos, vídeos que o alimenta, músicas, lê coisas em relação a isso, enfim tudo o que você procura é para deixá-lo confortável, satisfeito e bem alimentadinho. E você cada vez mais vazia. 
Vazia de Deus, principalmente.
Deus está falando, tentando fazer você ouví-lo, mas você não consegue, porque só tem alimentado seu coração e não tem se alimentado de Deus, ou até tem tentado, mas tem feito tudo errado: Você só sabe chorar e se lamentar, Questionar: "Porque, Meu Deus, Por quê?!"  
E então, por não conseguir ouvir a voz de Deus e a tudo o que Ele gostaria de te dizer para te ajudar, você ouve a sua vontade (seu coração) e acaba errando. 

Olha só: 
Quando nossas emoções estão à flor da pele, ao invés de as alimentarmos, devemos combatê-las. É a famosa guerra interior. Principalmente quando o assunto é vida sentimental ou situações que afetam o coração. Não alimente tristezas, não fique ouvindo 'churumelas', aí você ouve uma música patética romântica e diz: "Essa é minha música" ou "Fala da minha história!". Combata suas emoções, senão você estará mais envolvida ainda com isso e com certeza não te fará bem, falo por experiência própria. 


(O sábio aprende com o erro dos outros). 

na certeza, 
Postar um comentário